Menu Site
 Por: Amanda Demétrio, Núcleo de Comunicação
16/12/2019 11:22 - atualizado às 14:46 em 26/12/2019

No clássico entre paulistas e cariocas, melhor para os donos da casa. Na noite deste domingo (14), o time masculino de vôlei do Sesi-SP foi superior e conquistou sua sétima vitória na Superliga 2019/2020. Com o placar de 3 sets a 0 (25/20, 25/18 e 25/16), no ginásio da Vila Leopoldina, a dupla campeã olímpica William e Éder levou a melhor contra os colegas Wallace e Maurício Borges. A partida fechou a oitava rodada da competição nacional.

Com o apoio da torcida, que lotou o ginásio, os comandados do técnico Rubinho mostraram força e entrosamento desde o início do confronto. Os donos da casa abriram larga vantagem logo no início do primeiro set, graças ao saque potente, e mantiveram o ritmo durante todo o jogo.

Distribuindo bem as jogadas entre seus atacantes, o levantador William foi um dos destaques que manteve o Sesi-SP na vice-liderança com 20 pontos (sete vitórias e uma derrota). O oposto Alan foi o maior pontuador da partida, com 16 acertos, sendo 15 de ataque e um de saque, e o ponteiro Fábio foi eleito pela comissão técnica o melhor em quadra e ficou com o Troféu VivaVôlei.

“Ganhar de 3 a 0 sobre uma equipe forte como o Sesc RJ é para comemorar. Foram três pontos importantíssimos e temos que agradecer a torcida, que veio em peso hoje e é maravilhoso jogar assim. Jogamos até mais felizes”, comentou Fábio.

Agora o grupo Da capital paulista se prepara para uma maratona de jogos fora de casa. Na quarta-feira, dia 18, o Sesi-SP estará em Contagem (MG) para enfrentar o Sada Cruzeiro, às 20h, com transmissão do Canal Vôlei Brasil. E no domingo, dia 22, também às 20h, os meninos encontram o Apan Blumenau. O confronto terá transmissão ao vivo pela TV Cultura.

LEIA TAMBÉM