O que está buscando?
MEU SESI - Entrar
Na Anatomia Oca dos Pássaros

Cia Terranova

Projeto: Viagem Teatral

O espetáculo traz à cena o grande personagem da História do Brasil e mundial – Alberto Santos Dumont. Mais do que sua biografia e sua obra, porém, já tão conhecidas do público brasileiro e internacional, este espetáculo é um convite ao espectador, na forma de um ensaio poético, a adentrar a alma de Santos Dumont, e vislumbrar ali arquétipos que dizem respeito ao ser humano contemporâneo.

Na fusão de texto e dramaturgia com composições musicais temáticas para fagote e percussão, executadas ao vivo, tudo entrelaçado pela coreografia insólita da euritmia, descortina-se o drama existencial de Santos Dumont, entre o sonho e a obstinação, entre conquistas e perdas, que remetem às questões centrais da resiliência e da confiança numa dimensão maior da biografia humana.

O espetáculo tem texto e direção cênica de Dino Bernardi, composição musical de Marcelo S. Petraglia e coreografia de Marília Barreto e Renate Nisch, euritmistas reconhecidas nacional e internacionalmente.

Ensaio Lírico a Santos Dumont

Duração:

60 min

Categoria: Infantojuvenil
Ficha Técnica: Texto, Dramaturgia, Direção Cênica, Figurino e Cenário: Dino Bernardi | Composição e Direção Musical: Marcelo S. Petraglia | Direção Artística: Marília Barreto | Coreografia e Euritmia: Marília Barreto e Renate Nisch | Atuação: Vitor Placca (ator convidado) | Fagote: Luís Antonio Ramoska | Percussão: Saulo Camargo | Iluminação: Yuri Cumer | Produção e Realização: Cia Terranova
Gênero: Drama
Minibiografia do Grupo ou Cia: Idealizada pela euritmista, coreógrafa e produtora Marília Barreto a partir de sua larga experiência com a Euritmia no Brasil desde seu retorno da Holanda (1988), a Cia Terranova se apoia na experiência do Grupo de Euritmia de São Paulo (1988-2003), da qual foi membro fundador. O repertório da Cia inclui o espetáculo Oblivion (2010), Os Servos de Pan (2014), Na Anatomia Oca dos Pássaros (2018). O espetáculo estreou na 26a Mostra de Teatro Monte Azul em em São Paulo, seguida de apresentações na Cia Paideia de Teatro e no espaço Cultural Rudolf Steiner e no Teatro Itália. Em 2019 esteve no SESC Ribeirão Preto. Aprovado pelo Edital Cleyde Iáconis da SMC, o espetáculo circulou por diversos espaços em São Paulo, de maio a agosto de 2019. Em setembro e outubro de 2019 realizou turnê à Europa, circulando pela Holanda, Alemanha e Suíça, com especial participação no Festival MIMAGES, em Amsterdã.

CLIQUE NA UNIDADE PARA RESERVAR