O que está buscando?
Portal Educa    MEU SESI - Entrar

Sesi-SP marca presença na 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT 2021), em Brasília

Com estande colorido e muita interação a entidade aborda a Promoção da Ciência, Tecnologia e Inovação na Educação Básica

 Por: Sarah Toledo, Sesi São Paulo
06/12/202118:04- atualizado às 12:06 em 16/12/2021

Iniciou-se na última sexta-feira (3/11) e vai até o dia 10/12 a 18ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT 2021). A feira acontece no Pavilhão de Exposições do Parque da Cidade, em Brasília, e traz como tema A Transversalidade da Ciência, Tecnologia e Inovações para o Planeta. O evento é uma realização do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI).

Durante a Semana, no palco principal serão abordados diversos assuntos como o mapeamento de tecnologias sociais na Amazônia, plataformas de dados para doenças do espectro autista, mapeamento geográfico de bacias hidrográficas por satélite e desenvolvimento de testes de diagnóstico para Covid-19 no Brasil. Os expositores trazem entretenimento dialogando sobre tecnologia nas profissões do futuro, programação, robótica, satélites e acessibilidade.

Na cerimônia de abertura estavam presentes diversas personalidades como o ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Cesar Pontes, o secretário executivo do MCTI, Sergio Freitas, a secretária de articulação e promoção da ciência do MCTI, Cristiane Correia, e a atleta paralímpica Jade Malvazzi. O evento também contou com a entrega de certificado para a ganhadora do concurso de desenho que estampou o material de divulgação da SNCT 2021, Natália Tamires, estudante do Sesi de São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte. O certificado foi entregue em mãos pelo ministro de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Cesar Pontes.

“Nós temos no dia a dia muitas pautas importantes porque a ciência é transversal, como é o tema desse evento. A ciência está em todos os lugares e às vezes a gente não percebe isso. Mas é importante essa parceria com o Congresso Nacional para que nós consigamos desenvolver todo o potencial da nossa ciência”, discursou Marcos Pontes.

Sesi-SP presente 

Por meio de uma abordagem STEAM personalizada, a rede Sesi-SP de Ensino amplia a aprendizagem transdisciplinar e a potência dos estudantes para a atuação no mundo. Conheça algumas estratégias:

Educação por projetos interáreas e Iniciação Científica:

Com o componente “Eixo Integrador” e propostas de Iniciação Científica presentes na grade curricular escolar de nossos alunos, a rede Sesi-SP de Ensino propõe que os estudantes investiguem temáticas da vida real e criem produções e soluções explorando diferentes áreas do conhecimento. Um exemplo de projeto desenvolvido nessa proposta é o “Bilinguismo: aplicativo assistivo para comunicação efetiva da LIBRAS” em que estudantes do Ensino Médio do Sesi de Campinas-SP, sob orientação da profa. Débora Claudino, desenvolveram um protótipo funcional de aplicativo assistivo utilizando técnicas de Machine Learning.

A solução pensada e criada pelos estudantes é inovadora na medida em que não é apenas um tradutor instantâneo, mas um recurso que permite também a ouvintes explorar e aprender a Língua Brasileira de Sinais, buscando promover, de fato, o Bilinguismo entre a população brasileira.

Imagem relacionada a matéria - Id: 1639666744

No estande do Sesi-SP, um dos destaques foi o bilinguismo

Imersão na Cultura Maker: Dispondo da maior rede de Fab Lab Escola da América Latina, além de inúmeros Espaços Makers, o Sesi-SP dá luz à criatividade de seus estudantes oferecendo ferramentas de prototipagem rápida como impressoras 3D, cortadoras a laser, plotters de recorte, entre outros equipamentos. Os estudantes são desafiados a materializarem suas ideias com suas próprias mãos, seja aprimorando projetos ou desenvolvendo algo totalmente novo, sempre de forma a agregar valores como inovação, colaboração e implementação e a ampliar as experiências de aprendizagem multidisciplinar.

Ensino de Programação e Robótica: Com material didático exclusivo Sesi-SP, promove percursos educacionais contextualizados na abordagem STEAM e na Cultura Maker que desenvolvem os fundamentos do Pensamento Computacional – Decomposição, Reconhecimento de padrões, Abstração, Pensamento algorítmico – como estratégia para resolução de problemas complexos, contribuir na formação de cidadãos capazes de intervir de forma sustentável, equitativa e inclusiva na sociedade com utilização das novas tecnologias é a premissa do programa. Seu cerne pode ser expresso por meio de problematização e mobilização dos estudantes, levantamento de conhecimentos prévios, formulação de hipóteses e investigação, além das propostas de solução singulares em cada grupo.

Além dos estudantes da própria rede, o Sesi-SP, licenciado pela Microbit® Education Foundation, oferece cursos gratuitos para crianças e adolescentes de toda comunidade utilizando as plataformas MakeCode e Micro:bit.

Inteligência Artificial e aplicações eletrônicas microcontroladas: Além do microcontrolador Microbit e da tecnologia LEGO® Education, os estudantes da rede Sesi-SP exploram plataformas de desenvolvimento de jogos, desenvolvimento de aplicativos mobile, plataforma Arduino, robôs móveis e manipuladores – com rodas e bípedes e recursos de Machine Learning, sempre com o objetivo de aplicações em projetos educacionais interativos.

Leia também