O que está buscando?
MEU SESI - Entrar

Sesi-SP tem três atletas convocados para o Campeonato Sul-Americano Indoor

Além do trio, que treina em Santo André, o treinador do Sesi-SP, Darci Ferreira da Silva, também foi convocado.

Além do trio, que treina em Santo André, o treinador do Sesi-SP, Darci Ferreira da Silva, também foi convocado.

 Por: João Pedro Dechechi, comunicação Sesi Santo André
24/01/202415:38- atualizado às 15:38 em 24/01/2024

Na quinta-feira (11), a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) anunciou a convocação da seleção brasileira para a disputa do Campeonato Sul-Americano Indoor, que será realizado em Cochabamba, na Bolívia, nos dias 27 e 28 de janeiro.

Dentre os selecionados figuram três nomes do Sesi-SP: Felipe Bardi dos Santos, que irá competir na categoria de 60 metros, Erik Cardoso, que também particpará da prova dos 60m, e Lucas Conceição Vilar, que vai disputar a bateria dos 400m.

 

Os velocistas Erik Cardoso, Lucas Vilar e Felipe Bardi
Crédito: João Pedro Dechechi

Além do torneio na Bolívia, Felipe Bardi e Erick Cardoso foram convocados para o camping da CBAt, que irá ocorrer em Bragança Paulista, nesta semana. Para Felipe, essa é uma oportunidade a mais de se preparar para o Sul-Americano. "Para gente vai ser muito bom porque nós vamos conseguir treinar lá também, vamos fazer a nossa parte de revezamento já pensando  no ano que nós podemos ter, tem mundial de revezamento, jogos olímpicos, então é um ano recheado de coisas boas, que nós podemos conquistar com o revezamento, e também nós estamos fazendo nossa parte final de preparação para o Sul-Americano, então a gente vai estar treinando ali, foco total no Sul-Americano também, com a esperança de fazer uma ótima reta final de treino para que possamos viajar muito bem e fazer uma excelente competição", comentou o recordista nacional nos 100 metros.

Erick Cardoso chega com grandes expectativas de medalha, levando em conta todos os seus feitos recentes. Mesmo assim, ele procura manter os pés no chão na competição. "É a primeira competição do ano, vou correr os 60 metros rasos, graças a deus diante de todos os resultados que aconteceram em 2023 e ao longo da minha carreira a gente chega sempre com o objetivo de querer dar o nosso melhor, com expectativa, "favoritismo" nas competições mas sempre com os pés no chão, sempre chegar lá e buscar dar o meu melhor, fazer uma boa prova, um bom início de temporada e se Deus quiser sair com um bom resultado", disse o velocista.

Lucas Vilar, mais novo do trio, carrega em sua bagagem várias experiências em torneios sul-americanos,apesar de estar participando de seu primeiro Campeonato Sul-Americano Indoor. Na visão dele, isso vai ajudar muito com as dificuldades encontradas na corrida, como a questão da altitude. "Nós temos competido muito na sudamerica, então a gente já tem um pouco do costume, já sabe um pouco como funciona, a forma que temos de correr, de competir, então é algo que eu acredito que não vá atrapalhar tanto"- explicou.

 

Leia também