Menu Site
Gênero: Intervenção poética
Grupo: Pascoal da Conceição
Em contagem regressiva para a chegada de 2022 e os 100 anos da Semana de Arte Moderna, de 1922, Pascoal da Conceição começa a celebrar e relembrar a importância do movimento surgido na época: o polêmico Modernismo.
Narrando contos de Mario de Andrade, ou o Papa do Modernismo, Pascoal da Conceição relembra a importância da data para a arte contemporânea. As obras do autor são aprofundadas, representadas e estudadas, não permitindo que seja esquecido o acervo literário do autor de Macunaíma.

Conheça a programação em sua região

FEVEREIRO 29 sáb 15:30