Equipes de vôlei do Sesi-SP fazem clínicas com crianças, jovens e trabalhadores da indústria - Notícia - SESI SP

Equipes de vôlei do Sesi-SP fazem clínicas com crianças, jovens e trabalhadores da indústria

23/06/2017 - Esporte

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

Depois do grupo feminino, foi a vez de 13 atletas e integrantes da comissão técnica da equipe de vôlei masculino do Sesi-SP iniciarem as visitas do programa “Grande Sacada”. Durante esta quinta-feira (22 de junho), os jogadores visitaram a unidade do Sesi de Cubatão, na Baixada Santista, em mais um ano do projeto. A iniciativa promove encontros entre atletas das equipes adultas do vôlei do Sesi-SP e alunos de diversas unidades da instituição.

Com aproximadamente 300 alunos, entre Fundamental e Ensino Médio, Cubatão foi a primeira cidade a receber a atividade na temporada 2017/2018. A próxima parada das equipes está prevista para a semana que vem, nas unidades de Mogi Guaçu, Mococa, Sumaré e Campinas II.

No “Grande Sacada”, os jogadores são recebidos pelas crianças, em atividades com e sem bola. Depois, eles têm um bate-papo com o diretor e administradores da escola, ocasião em que recebem informações sobre os alunos e o andamento dos projetos e conhecem cada unidade.

A novidade deste ano é a visita a indústrias beneficiárias do Sesi-SP e que possuem equipes de rendimento na disputa dos Jogos do Sesi, competição voltada aos trabalhadores da indústria. Nesta primeira interação, a equipe comandada pelo técnico Rubinho passou a manhã com os funcionários da Bequisa, empresa especializada em produtos químicos para o combate de pragas. A visita contou com bate-bola com os trabalhadores-atletas do vôlei que representarão a empresa nos jogos da indústria. Após os confrontos, uma conversa de feedback e uma visita pelas áreas de trabalho fecharam a primeira parte do dia.

“Fazer essas vivências com as crianças das escolas é algo mais habitual, e de certa forma elas já estão acostumadas. Agora chegar com esses atletas em empresas e colocá-los para jogar e trocar conhecimentos com os funcionários que estão se preparando para uma competição é mais empolgante ainda”, comentou o diretor das unidades da Baixada Santista do Sesi-SP, Alexandre Conte.

Durante os eventos, os alunos e agora os trabalhadores aprendem noções básicas do esporte atuando diretamente com os jogadores e participando de pequenas competições. Por conta do calendário da seleção brasileira, o elenco teve algumas ausências. Participaram das atividades os atletas William, Aracaju, Gustavão, Evandro, Franco e Alan e Bernardo, além de seis membros do time juvenil.

E foi um dos reforços novos para a temporada 2017/18, William Arjona, que falou sobre a iniciativa com as empresas e a interação com as crianças.

“É muito legal ver a dedicação do pessoal aqui. São pessoas que além de trabalhar dedicam um tempo ao esporte, treinam e se empenham para ir bem nos jogos. Estar aqui hoje, poder ver isso e contribuir um pouquinho é muito bom, é gratificante para nós. O Grande Sacada também é um projeto muito bacana. São valores que passamos às crianças e que são importantes para o futuro”, comentou o levantador, que representará a equipe da capital paulista pela primeira vez.

Além dos atletas, também participaram das atividades o técnico Rubinho, o preparador físico Fabio Correa, a estatística Luciana La Plata e o supervisor Marcus Filipi.

Cubatão foi a primeira cidade a receber a Grande Sacada na temporada 2017/2018  
Foto: Amanda Demétrio/Fiesp