Com Murilo em quadra Sesi-SP fecha 1º turno da Superliga com vitória - Notícia - SESI SP

Com Murilo em quadra Sesi-SP fecha 1º turno da Superliga com vitória

16/12/2017 - Esporte

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

Foi diferente, foi contagiante, foi do Sesi-SP. Em uma noite de estreia, o time masculino de vôlei da capital paulista fez bonito e fechou o primeiro turno da Superliga masculina 2017/18 com vitória. Com Murilo de volta às quadras, o grupo comandado pelo técnico Rubinho superou o Sesc-RJ por 3 sets a 1 (25/17, 25/20, 16/25 e 25/18) e segue na quarta posição com 24 pontos.

Estreante na temporada em uma nova função, o líbero Murilo falou sobre a emoção da sua primeira partida após o período de oito meses fora das quadras devido a um exame de doping com resultado positivo.

“Ainda não é o ideal, é o primeiro jogo, não fiz nenhuma amistoso, e entrei em uma fogueira contra o Sesc RJ, que vem muito bem na Superliga e contra um amigo, que é o Giovane. Foi um período muito difícil, a mudança de posição é complicada, mas este é um momento muito especial”, afirmou Murilo, que ainda conversou com a torcida ao final da partida.

“Eu sou muito grato por tudo na minha vida e hoje só tenho a comemorar também. Se não fosse o apoio de todos vocês que aqui estão, da minha família, amigos e companheiros de equipe, eu não estaria aqui hoje. Todos foram fundamentais neste processo. Estou muito feliz”, comentou o camisa 8, aplaudido pelo público.  

Como já era esperado, o confronto que reuniu seis campeões olímpicos, quatro pelo Sesi-SP e dois pelo time carioca, começou com um rali bastante disputado e, no ataque para fora do Sesc-RJ, a equipe da casa abriu o placar. O jogo, que contou com saque e ataque forte dos ponteiros Lipe e Douglas Souza, seguiu melhor para o grupo da Vila Leopoldina, que com uma certa tranquilidade abriu 2 a 0.

No terceiro set o Sesc-RJ abriu a parcial com um ponto de bloqueio de João Rafael, seguiu forte na marcação e cresceu no placar com a ajuda do Maurício Souza e Renan. Ampliando a vantagem obtida logo no começo da partida, o time carioca foi melhor. Mas com o apoio da torcida o Sesi-SP voltou a crescer, e Douglas Souza passou a ser o nome do último set. Pontuando no ataque e voando no bloqueio, o camisa 14 não deu brechas para o adversário e com o apoio do companheiro de posição Lipe comandou o grupo na conquista do resultado final.

“Estou muito feliz pelo crescimento do time. Começamos o campeonato, fomos evoluindo e acreditamos muito nisso, que juntos vamos evoluindo. Os últimos três jogos foram em uma crescente muito bacana e estou feliz por terminar o turno com uma vitória sobre um time tão forte como o Sesc RJ. Todos estão de parabéns”, comentou Lipe, que ficou com o troféu VivaVôlei.

O Sesi-SP entrou em quadra com o levantador William, o oposto Alan, os centrais Lucão e Gustavão, os ponteiros Lipe e Douglas Souza e o líbero Murilo. Entraram Franco, Evandro, Vaccari e Renato.

A equipe paulista volta a jogar na próxima quinta-feira (21/12) novamente em casa, onde receberá o Copel Telecom Maringá Vôlei (PR) em partida valendo já pela primeira rodada do returno.

Na volta de Murilo Sesi-SP derrota Sesc-RJ
Foto: Helcio Nagamine/Fiesp