Polo aquático do Brasil no Pan sub 19 tem cinco atletas do Sesi-SP

Julia Cardoso, Gabriel Bellio, Matheus Junqueira, Vinicius Pessin e Matheus Braz embarcam para a Flórida
 Por: Agência Indusnet Fiesp
04/07/2018 17:52 - atualizado às 17:56 em 04/07/2018

Quando foi criado em 2008, o projeto de polo aquático do Sesi-SP já pretendia revelar atletas para o esporte nacional e para a seleção brasileira. Prova do sucesso da iniciativa é que cinco atletas da Sesi-SP foram convocados pela Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA) para compor as equipes de polo aquático, feminina e masculina, que representarão o Brasil no Campeonato Pan-Americano Sub 19 de Tampa, na Flórida. Os centros Julia Cardoso e Gabriel Bellio, o goleiro Matheus Junqueira e os marcadores Vinicius Pessin e Matheus Braz, além do técnico Thiago Batista, embarcaram na noite desta terça-feira (3 de julho) para os Estados Unidos.

Frutos da casa, os atletas do Sesi-SP convocados para o torneio, que será realizado entre os dias 7 e 16 de julho e valerá como seletiva para o Campeonato Mundial Júnior de 2019, passaram com sucesso pelos projetos de iniciação esportiva da indústria e hoje figuram como destaques da categoria na modalidade. Desenvolvendo a modalidade através do esporte escolar e do Programa Atleta do Futuro (PAF), nas unidades do Sesi da Vila Leopoldina e Ribeirão Preto, Gabriel Bellio, Matheus Junqueira, Matheus Braz, Vinicius Pessin e Julia Cardoso são exemplos para os mais novos.

Criado em 1991 para estimular a prática e a cultura esportiva, além da formação e a cidadania de crianças e adolescentes entre 6 e 17 anos, o programa Atleta do Futuro (PAF) está presente em todo o Estado de São Paulo e atende mais de 100.000 alunos, envolvendo 187 prefeituras conveniadas. O projeto contempla atividades organizadas em três fases, adequadas para cada faixa etária. Entre 6 e 8 anos, as crianças começam a desenvolver as habilidades motoras fundamentais e capacidades coordenativas, bem como o prazer pela prática esportiva, por meio de jogos e atividades lúdicas. Dos 9 aos 10 anos, começam a ser ensinados os conceitos e fundamentos básicos de diversas modalidades esportivas, com o desenvolvimento de atividades e jogos adaptados e pré-desportivos. E dos 11 aos 17 anos, os alunos optam por uma modalidade e aprofundam-se nos aspectos técnicos, táticos e nas regras da modalidade.

Julia Cardoso, Gabriel Bellio, Matheus Junqueira, Vinicius Pessin e Matheus Braz
Julia Cardoso, Gabriel Bellio, Matheus Junqueira, Vinicius Pessin e Matheus Braz. Foto: DIvulgação/Sesi-SP

 

LEIA TAMBÉM