Vôlei feminino do Sesi-SP é vice na Copa São Paulo

Equipe perdeu por 3 sets a 1 para o E.C.Pinheiros em casa

Graciliano Toni - 14/08/2015

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

Não deu para o time feminino do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP). Na primeira decisão da temporada 2015/2016, as meninas da Vila lutaram, mas não conseguiram superar o entrosamento do Esporte Clube Pinheiros. Com o placar de 3 sets a 1 (15/25, 21/25, 25/21 e 21/25), as comandadas do técnico Talmo de Oliveira ficaram com o vice-campeonato da Copa São Paulo Feminina de Vôlei, assim como em 2014.

Para Dayse, a equipe do Sesi-SP devia ter colocado mais o coração em quadra. “Faltou entrar de coração, colocar a bola no chão. Nós estávamos muito apáticas, enquanto elas estavam jogando com tudo, elas acertaram os ataques e as coberturas, coisa que nós não fizemos. Agora é ajustar desde passe até contra-ataque de bola para o Paulista.”

Segunda maior pontuadora da partida pelo lado do Sesi-SP, com 13 pontos, Amabile, atleta que veio do juvenil, não escondeu a alegria de estar em quadra em uma decisão. “Eu não esperava entrar e entrar bem. Quando o Talmo pediu para eu aquecer, eu disse que já estava pronta e entrei com a minha alegria. Me senti bem porque as meninas me receberam muito bem, eu me sinto bem à vontade no grupo e isso me deixa leve para jogar”.

Com 14 pontos, Sabrina foi a maior pontuadora do Sesi-SP. Pelo Esporte Clube Pinheiros, com 18 pontos, Clarisse foi a melhor em quadra. O Sesi-SP entrou em quadra com Ellen Braga, Sabrina, Andreia, Angélica, Pri Heldes, Bia e a líbero Suelen. Entraram, Carol Leite, Dayse, Michele e Amabile.

O jogo

Como já era de se esperar, a partida começou muito forte, mas, com alguns erros de contra-ataque do Sesi-SP, foram as meninas do Pinheiros que garantiram o primeiro e o segundo tempo técnico do jogo, com 05/08 e 10/16. Mesmo com Sabrina atacando forte e a entrada da Dayse, que pontuou pela lateral de rede, as meninas da Vila não conseguiram segurar as adversárias e ficaram atrás, com 15/25.

O segundo set começou mais equilibrado, chegando ao placar de 04/04. Com Pri Heldes distribuindo as bolas entre Andreia e Sabrina, o Pinheiros passou a forçar o bloqueio, parando as meninas da Vila no ataque, mantendo uma vantagem de quatro pontos (12/16). Na volta, o técnico Talmo de Oliveira colocou Michele no lugar da Angélica no set e com uma sequência de três bons saques, o Sesi-SP ficou a quatro pontos de fechar o set (21/25).

Diferente do começo da partida, no terceiro set as meninas da Vila entraram com todo gás e com a presença de Amabile e Dayse em quadra, no lugar de Ellen e Andreia, o time não só começou abrindo três pontos de vantagem como na sequência garantiu o primeiro tempo técnico na frente, com 08/07. Mesmo na volta ficando um ponto atrás (15/16), as comandadas de Talmo logo empataram a partida e seguiram segurando o marcador até 20/20, quando Amabile desequilibrou e colocou a equipe na frente. Bia atacando forte pelo meio foi a responsável pelo ponto que garantiu o set do time no jogo (25/21).

O quarto set começou com o time da casa abrindo 3 a 0. Porém, com alguns erros de ataque do Sesi-SP, as adversárias igualaram o marcador (05/05) e garantiram o primeiro tempo técnico com 06/08. Na volta o time lutou, manteve a vantagem pequena, mas não conseguiu segurar as adversárias, que fecharam o set em 21/25 e o jogo.

Time feminino de vôlei do Sesi-SP

O time feminino do Sesi-SP, vice-campeão da Copa São Paulo. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

Notícias Relacionadas