Triatletas do Sesi-SP vencem Ironman 70.3 e Brasileiro de Aquathlon

Colucci e Luísa fazem dobradinha no Rio, e Luma Guillen conquista título em Manaus

- 07/11/2016

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

Atletas do Sesi de São Carlos, Reinaldo Colucci, Luísa Baptista e Luma Guillen brilharam neste fim de semana no Rio de Janeiro e em Manaus e conquistaram a primeira colocação do Ironman 70.3 e do Brasileiro de Aquathlon. Apostando na força dos pedais para abrir vantagem com relação aos adversários, os triatletas da indústria não deram chances para os outros competidores e, cada um na sua prova, cravaram parciais fortes na corrida para finalizar a prova de forma incontestável.

Com o dia nublado e a água fria, o trecho de 1.900 m de natação contou com o primeiro pelotão liderado por Guto Sorbo, acompanhado de outros quatro atletas, entre eles Colucci, saindo primeiro da água. Cerca de um minuto e trinta segundos depois vieram os outros oito atletas da prova. No pedal, mesmo deixando o martelo cair, o atleta do Sesi-SP seguiu pedalando fundo até fechar os 90km com a melhor parcial do dia, 2:10.09.

A força colocada nos pedais rendeu para Colucci uma boa vantagem na corrida, mas o que para muitos serviria como um momento para desacelerar e finalizar a prova com mais tranquilidade, para Reinaldo serviu de gás para acelerar ainda mais. O triatleta não diminuiu o ritmo e concluiu os 21,1 km em 1:18.35, a segunda melhor corrida do dia, chegando ao fim da prova com o tempo de 3:55.12.

“Foi uma conquista especial, dentre tantos dias de alegria que já vivi no esporte, sem dúvida esse terá uma lembrança com destaque, pois venci minha primeira prova da marca IM dentro do meu país. Foi o primeiro passo rumo a minha classificação para o Mundial de IM de Kona, em 2017”, comentou Reinaldo, que ainda explicou qual será o próximo passo.

“Agora meu foco é voltar a correr cada vez mais forte e assim passar a brigar pelas primeiras colocações também nas provas mundiais. Eu só tenho a agradecer o apoio de todos, em especial a minha esposa Mariana e minha filha Luana, além do meu treinador, Eduardo Braz, que me ajuda a vencer todos os desafios do dia a dia”.

Entre as mulheres, Luísa também venceu e assumiu a liderança desde a parte dos pedais, muito semelhante ao companheiro de equipe, Reinaldo Colucci. Luísa saiu da água ao lado das adversárias Carol Furriela e da argentina Romina Palacio, mas assumiu a ponta do pelotão logo no início do trecho de bike. Assim como Colucci, a atleta não deu chances para que as outras competidoras se aproximassem e, com o tempo de 4:29.40 no relógio e 1:27.17 na meia maratona, venceu a prova.

Brasileiro de Aquathlon

Na região Norte do país, os mais jovens também brilharam. Luma Guillen, atleta do Sesi-SP, foi a campeã brasileira de aquathlon, prova realizada em Manaus, no último fim de semana. Com 1.000m de natação e mais 5 km de corrida, Luma superou as adversárias, cruzou não só a linha de chegada em primeiro e garantiu o primeiro lugar geral. No masculino, Hugo Dias ficou com o vice-campeonato, enquanto Vinicius Munhoz, também atleta da indústria, conquistou o terceiro lugar júnior.

Notícias Relacionadas