Sesi-SP vence Renata Valinhos e garante vaga na final da Copa São Paulo

Depois de ótima atuação da ponteira Ellen, time encara o Pinheiros na sexta (14/8)

Graciliano Toni - 11/08/2015

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp 

O objetivo da noite era ganhar para garantir a vaga na final da Copa São Paulo Feminina. E foi exatamente isso que o time do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) fez nesta terça-feira (11/8). Bem entrosadas, as meninas da Vila venceram a equipe Renata Valinhos/Country por 3 sets a 0 (25/16, 25/17 e 25/21) e conquistaram a participação na final da competição, que está marcada para esta sexta-feira (14/8), contra o E.C.Pinheiros, às 19h30, na Vila Leopoldina.

A equipe da Vila Leopoldina começou melhor na partida. Entrou forte no jogo e com facilidade abriu dois sets a zero. No terceiro set, o Renata Valinhos conseguiu apertar no placar até o primeiro tempo técnico. Depois as meninas do Sesi-SP encaixaram melhor os passes, acertaram no bloqueio e fecharam o jogo com tranquilidade.

Autora de 16 pontos, Ellen exibiu bom entrosamento com as meninas, mesmo com o pouco tempo de trabalho, já que participou do Grand Prix com a seleção brasileira nos últimos dias. A ponteira não deixou a desejar quando foi acionado pelas levantadoras Pri Heldes e Carol Leite. Outros destaques do jogo foram as jogadoras Andreia, com 14 pontos, Sabrina, com 13, e Bia, responsável por 10 pontos.

O time do técnico Talmo de Oliveira entrou em quadra com Ellen Braga, Sabrina, Andreia, Angélica, Pri Heldes, Bia e a líbero Suelen. Entraram Carol Leite, Dayse e Michele Daldegan.

Meninas do vôlei comemoram
Meninas do vôlei durante partida contra Renata Valinhos. Foto: Helcio Nagamine/Fiesp

 

O jogo

A partida começou equilibrada. Com uma sequência de erros do time da casa, a equipe de Valinhos abriu quatro pontos de vantagem (02/06), forçando Talmo a parar o jogo. Com ataque forte da central Bia pela lateral da rede, as meninas da Vila empataram o jogo em 7 a 7, e com bloqueio de Sabrina o Sesi-SP chegou ao primeiro tempo técnico do jogo na frente (8 a 7). A equipe seguiu o bom momento, encaixou os ataques e com uma bela jogada de fundo de Sabrina as meninas saíram na frente no jogo, com 25 a 16.

 Assim como no primeiro, o segundo set foi dominado pelas donas da casa. Muito bem entrosadas, Pri Heldes trabalhou muitas bolas com as ponteiras Ellen Braga e Sabrina, resultando em uma vantagem de seis pontos na parada do segundo tempo técnico (16/10). Na volta, mantendo as boas jogadas, as meninas do Sesi-SP chegaram com facilidade ao final do set com 25/17.

O terceiro e último set, diferente dos outros, foi mais equilibrado e com o placar mais apertado. Abrindo apenas dois pontos de vantagem, o técnico Talmo de Oliveira fez a sua primeira substituição na partida e colocou Carol Leite e Dayse no lugar de Pri Heldes e Andreia. A mudança resultou na ampliação da vantagem em quatro pontos, fechando o segundo tempo técnico do set em 16/11 e o jogo em 25/21. 

“A postura delas foi muito importante”, disse o técnico Talmo de Oliveira, que viu alguns erros de posicionamento, que devem ser corrigidos com o tempo. Ele elogiou o comportamento das atletas e, apesar de esperar um jogo duro, afirmou que a equipe vai buscar a vitória na final.

Notícias Relacionadas