Sesi-SP encerra fase estadual dos Jogos do Sesi e premia vencedores

Indaiatuba sediou 67ª edição dos jogos no final de semana (29/11 e 30/11)

Ariett - 03/12/2014

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

O Sesi Indaiatuba foi a sede das finais da fase estadual da 67ª edição dos Jogos do Sesi. O evento reuniu 1.134 atletas-trabalhadores de 165 empresas nos dias 29 e 30 de novembro nas cidades de Indaiatuba e Vinhedo. Foram 11, as modalidades disputadas nas categorias masculino e feminino: natação, vôlei, futsal, futebol sete máster, futebol, atletismo, xadrez, vôlei de praia, voleibol, tênis de mesa, tênis de campo, basquete e judô.

Como no ano passado, quando o nadador do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), Thiago Pereira participou de uma atividade extraoficial com os trabalhadores-atletas melhores colocados nas provas de natação, este ano foi a vez das nadadoras Giovanna Diamante e Sabrina Jacob Todão interagirem com os competidores e participarem do grande desafio de revezamento.

Após participarem da premiação das provas individuais, as duas atletas do Sesi-SP nadaram o revezamento misto 4x50m medley. Enquanto cada equipe possuía os quatro trabalhadores-atletas que alcançaram os melhores tempos em suas provas individuais, a equipe do Sesi-SP era composta apenas por Giovanna e Sabrina.  

Além da natação, as atletas do vôlei de rendimento do Sesi-SP, Fabiana e Dayse, o técnico da equipe feminina Talmo de Oliveira e o gestor do voleibol, José Montanaro passaram pelas competições e tiraram fotos com os participantes acompanhados do superintendente do Sesi-SP, Walter Vicioni e do diretor da Divisão de Esportes e Qualidade de Vida do Sesi-SP, Alexandre Pflug.

Em uma das semifinais do vôlei masculino, Talmo e Montanaro conversaram com os trabalhadores-atletas e ressaltaram a importância do evento. No atletismo, Verônica Hipólito e Mateus Vieira acompanharam as provas e ao final participaram da cerimônia de premiação.

Para a diretora do Sesi Indaiatuba, Odete Freire, o evento é muito importante para a divisão de esporte e qualidade de vida do Sesi-SP. Promovendo o fair play, por meio da troca de flâmulas entre o time vencedor e o destaque da equipe adversária, os jogos incentivam a prática esportiva e promovem a confraternização entre trabalhadores dos segmentos industriários.

“Os Jogos do Sesi-SP coroam o trabalhador da indústria. São pessoas que,no dia a dia, estão lá, trabalhando, e em algum momento a gente oferece as condições possíveis para que ele mostre que é um desportista. Muitas vezes esse trabalhador não tem a possibilidade de vir com a família competir e ser tratado como um atleta. Nesse evento, proporcionamos desde a recepção dos atletas, até espaços destinados para a hidratação, entretenimento e o espaço atleta. As grandes e pequenas empresas tem a possibilidade de estarem juntas, disputando e recebendo troféus”, comentou Odete.

Subindo ao pódio oito vezes, os trabalhadores-atletas dos Correios foram os que mais conquistaram medalhas. As premiações vieram nas modalidades, atletismo, basquete, futebol sete máster, futsal feminino, tênis feminino e masculino na categoria A, vôlei feminino e masculino e xadrez rápido. O time do Metrô vem logo atrás com seis troféus (natação, tênis feminino na categoria A, tênis masculino na categoria C, vôlei de praia feminino, xadrez rápido e pensado).

No atletismo, mesmo sem alcançar uma posição no pódio na classificação geral, o Metrô foi a única equipe que trouxe entre seus trabalhadores-atletas, um participante deficiente. Amputado de uma das pernas, Renato Cruz foi ouro nos 200m máster masculino e bronze nos 100m máster. Na natação, os trabalhadores-atletas da Volkswagem foram os que mais pontuaram durante as competições e ficaram em primeiro na classificação geral, já no vôlei a Bosh garantiu um ouro no masculino e um bronze no feminino.

Entre o período de abril a outubro, cada Unidade do Sesi-SP realiza a fase municipal, de acordo com o seu calendário, e as empresas/trabalhadores-atletas melhores colocados se classificam para a fase estadual. Os classificados nessa fase adquirem o direito de representar o Estado de São Paulo na Fase Regional dos Jogos do Sesi.

Notícias Relacionadas