Nadadora do Sesi-SP encara neste sábado seu primeiro campeonato absoluto

Mariana Serrano está no Paraguai para o Sul-Americano de Águas Abertas

- 11/03/2016

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

Mariana Serrano encara neste sábado (12/3), às 8h35, seu primeiro campeonato absoluto de maratonas aquáticas. Atleta do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) desde o início do projeto de natação, em 2009, Mariana está na cidade de Lambaré, às margens do Rio Paraguai, para o Campeonato Sul-Americano de Águas Abertas.

Concentrada com a Seleção Brasileira na praia do Yacht Golf Club Paraguayo desde quarta-feira, a jovem não esconde a felicidade e ansiedade em disputar uma prova de alto nível. E mesmo participando pela primeira vez de um campeonato absoluto, já projeta os próximos passos para o pós-competição.

“Estar em uma seleção absoluta, as pessoas são mais velhas, já nadaram provas mais importantes, então aproveito para ganhar bastante experiência. Vejo essa competição como mais um passo que estou dando na carreira, saindo do juvenil e entrando no adulto. E não tem como pensar no absoluto e não pensar em Olimpíada. Tenho pra mim que a partir desse resultado, quem sabe para 2020, o meu foco seja brigar com o pessoal mais velho para uma vaga nos 10 km da maratona”.

Abrindo o torneio, a prova de maratonas aquáticas começou com os 5 km na quinta-feira, com vitória do Equador nos dois estilos. Os 10 km acontecem no sábado, com largada às 8h30 para o masculino e às 8h35 no feminino, e a prova por equipes no domingo. Além da Mariana Serrano, do Sesi-SP, Betina Martins, Samuel Menegon e Fernando Estanislau, do Grêmio Naútico, também representam o Brasil na prova deste final de semana.

Mariana Serrano
Mariana Serrano, do Sesi-SP, que compete pela primeira vez no absolunto. Foto: Ayrton Vignola/Fiesp

Notícias Relacionadas