Curso da CBJ de capacitação em técnicas e fundamentos do judô reúne 30 treinadores no Sesi-SP

Em Bauru, Marinho Esteves, técnico do time da indústria, ministrou palestra sobre preparação física aplicada à modalidade

- 10/05/2016

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

Evento organizado pela Federação Paulista de Judô no último sábado (7/5) na unidade do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP) em Bauru contou com 30 técnicos em busca de conhecimento e aprendizado na modalidade. Marinhos Esteves, treinador da equipe do Sesi-SP, foi um dos palestrantes do curso “Transferência de Conhecimento – Curso de Capacitação da CBJ”, que ainda contou com Carlos Honorato (vice campeão olímpico em Sidney 2000).

Após participar de quatro módulos do Curso de Capacitação Técnica da Confederação Brasileira de Judô, no segundo semestre de 2015, Marinho e mais 12 técnicos do Estado de São Paulo puderam, por meio da Federação Paulista, aproveitar todo o conhecimento adquirido e compartilhar com os demais técnicos do Estado.

“Esse tipo de transferência de conhecimento e troca de experiências entre professores e técnicos de judô é de suma importância para a modalidade. O repasse de todas as informações que eu adquiri no curso de capacitação me faz fixar ainda mais o conteúdo e ver as situações do ponto de vista de outros professores, isso faz a gente crescer como profissional e como pessoa”, comentou Marinho sobre a importância dos cursos de capacitação e da didática usada.

“Eu acho que os professores que vieram até o Sesi-SP saíram muito satisfeitos. A gente tentou usar uma didática simples, ser bem direto e deixamos todos os assuntos abertos para discussão, justamente para saber o que cada um estava buscando no curso, qual era a maior necessidade para o dia a dia. Tentamos atender ao máximo todos os participantes”.

Ao lado de Carlos Honorato e Mário Sabino, Marinho Esteves, que treina os judocas do Sesi desde 2010, explicou desde a preparação física, treinamento aplicado e psicologia até a saúde da mulher. Com o objetivo de fomentar o conhecimento de todas as disciplinas que envolvem o treinamento e desenvolvimento do judô, o Sesi-SP foi a única entidade privada a sediar o curso e ter um técnico ministrando a palestra, depois da academia do campeão olímpico Rogério Sampaio, em Santos.

“Para o Sesi-SP esse tipo de evento é muito importante. Temos como princípio, como pilar principal a educação, então cabe a nós do esporte contribuir de alguma forma com a educação, transmitir todo o conhecimento que nos foi passado”, finalizou Marinho, que acredita que o Sesi-SP dará mais um passo para o progresso no relacionamento com as entidades reguladoras da modalidade (CBJ e FPJ).

Marinho Esteves e Carlos Honorato Marinho Esteves e Carlos Honorato durante a capacitação da CBJ no Sesi-SP 
Foto: Francisco Emolo/Divulgação FPJ

Notícias Relacionadas