Com três atletas do Sesi-SP, vôlei do Brasil fica em 5º lugar no Mundial Sub 23

Seleção brasileira masculina venceu a Argentina por três sets a um

Alice Assunção - 01/09/2015

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

Com Douglas Souza, Thiaguinho e Aracaju, atletas do Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), a equipe de vôlei masculina do Brasil terminou o Mundial Sub-23 na quinta colocação. O time comandado pelo técnico Rubinho disputou sete jogos em Dubai, nos Emirados Árabes, e fez uma campanha de cinco vitórias e duas derrotas.

A equipe brasileira terminou a fase de grupos em terceiro lugar do Grupo B e seguiu para a disputa de posições entre quinto e oitavo lugar do torneio. Na segunda-feira (31/9), os brasileiros entraram em quadra e, com vitória sobre os Argentinos por três sets a um (25/19, 25/18, 30/32 e 25/22), terminaram o Mundial da categoria na quinta colocação.

Douglas Souza, alteta do Sesi-SP, em disputa pelo Mundial Sub-23 de vôlei. Foto: Divulgação/Fiesp  
Douglas Souza, alteta do Sesi-SP, em disputa pelo Mundial Sub-23 de vôlei. Foto:Divulgação/CBV  


“Acho que jogamos muito bem nos dois primeiros sets. Não fomos bem no terceiro, mas conseguimos gerir isso e ficar com o quinto lugar. Quero parabenizar a Argentina pelo trabalho duro contra nós durante o torneio”, comentou Thiaguinho, levantador e capitão, durante entrevista à Confederação Brasileira de Vôlei (CBV).

Destaque da partida, o ponteiro Douglas Souza terminou o jogo como o maior pontuador, com 20 acertos. O central Aracaju se apresentou bem em quadra e, com 17 acertos, também se destacou. Pela Argentina, Pablo Koukartsev marcou 19 pontos e foi o principal atacante.

O Brasil começou a partida com o levantador Thiaguinho, o oposto Alan, os ponteiros Kadu e Douglas, os centrais Aracaju e Flávio, além do líbero Rogerinho. Entraram durante o jogo o levantador Fernando, o oposto Wagner e o ponteiro João.

Notícias Relacionadas