Brasil enfrenta China em amistoso de polo aquático feminino no Sesi-SP

As seleções se enfrentam nesta sexta-feira (29) na reta final da preparação para os Jogos Rio 2016

- 27/07/2016

Amanda Demétrio, Agência Indusnet Fiesp

Faltando apenas nove dias para a abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016, muitas delegações já desembarcam em solo brasileiro para os últimos ajustes antes do apito inicial. E como parte deste ciclo olímpico, o Serviço Social da Indústria de São Paulo (Sesi-SP), além de contar com 14 nomes no Rio de Janeiro, será o cenário de mais uma reta final de preparação. Nesta sexta-feira (29/7), a partir das 9h30, a unidade da Vila Leopoldina sediará o encontro e uma partida amistosa entre a seleção brasileira de polo aquático feminino e a equipe da China. A programação ainda contará com bate-papo entre técnicos, atletas, crianças e público presente.

Às 9h30, o técnico da seleção chinesa, Ricardo Azevedo, participará de um bate-papo sobre preparação e olimpíadas no espaço olímpico, área montada para receber torcedores, especialistas e técnicos, que além de torcer para o Brasil durante os Jogos, poderão participar de palestras e bate-papos. Brasileiro de nascimento, Ricardo é pai de um velho conhecido do Sesi-SP, Tony Azevedo, atleta comandado pelo técnico André Avallone.

Nascido no Rio de Janeiro, o técnico foi jogador da seleção brasileira de polo aquático entre 1973 e 1981. Hoje treinador da China, país em que vive atualmente, foi para os Estados Unidos na época da universidade e depois retornou de vez após o nascimento do filho. Foram 30 anos de trabalho com polo aquático em terras norte-americanas, com direito a três participações em Jogos Olímpicos e cinco Mundiais. Depois disso, Ricardo trabalhou na Itália por cinco anos e há três temporadas assumiu a equipe feminina da China.

Após a conversa e interação com os presentes, as equipes se reúnem, às 11h, para o jogo amistoso. Completas, as duas seleções aproveitam a oportunidade para tirar o máximo proveito. Além de ter mais material para estudo do adversário, ainda terão algum tempo para ajustar os detalhes finais, já que estreiam no dia 9 de agosto, terça-feira. As brasileiras enfrentam a seleção italiana enquanto as chinesas pegam as húngaras.

Ao final do jogo será a vez da equipe do Brasil, comandada pelo técnico Patrick "Pat" Oaten, participar de um encontro no espaço olímpico. Perguntas sobre a trajetória do grupo, preparação, sonhos, objetivos e expectativas para os Jogos serão respondidas pelo grupo durante o bate-papo.

Notícias Relacionadas